Ter uma meta definida não significa nada se você não estiver comprometido a se engajar para chegar lá.

 

Traçar metas pura e simplesmente, não é garantia de sucesso! Todo mundo é capaz de traçar metas, mas poucos são capazes de alcança-las. Ter uma meta definida não significa nada se você não estiver comprometido a criar hábitos e comportamentos assertivos para tal.

 

“Todas as grandes coisas vêm de pequenos começos. A semente de todo hábito é uma decisão única e minúscula. Mas, à medida que essa decisão é repetida, um hábito brota e se fortalece.” – James Clear, escritor norte-americano

 

Em vez de ficar elaborando – por dias, meses, às vezes anos! – planos mirabolantes, traçando metas inalcançáveis e tentando, quem sabe, encontrar atalhos para o sucesso, que tal agir um pouquinho de cada vez, porém todos os dias?

 

Não conheço ninguém que tenha conseguido alcançar sucesso da noite para o dia. Tudo acontece gradualmente, em uma longa série de pequenos passos, descobertas, vitórias.

Todo mundo é capaz de traçar metas

 

Para mudar de vida, ou mudar algo de relevante nas suas vidas, as pessoas nem sempre têm de pensar em grande. Pode começar por dar pequenos passos, experimente começar pequeno, um passo de cada vez. Você não conseguirá correr uma maratona no primeiro dia, mas pode começar com 5 ou 10 minutos.

 

Mantenha as rotinas de sempre, e você continuará obtendo sempre os mesmos resultados; melhore-as, e veja tudo tomar outra dimensão. Esforce-se para ser apenas 1% melhor a cada dia, e se surpreenda com o avanço que terá dado no fim de um ano. O inverso também é verdadeiro, dê apenas 1% menos de si por dia e veja qual será o resultado ao cabo de 365 dias…

 

Melhore a cada dia

O segredo para obter resultados melhores e mais duradouros é nunca parar de promover melhorias em si mesmo. O santo graal da mudança de hábitos consiste não em uma melhoria de 1%, mas em mil delas.

 

Comece introduzindo novos hábitos na sua rotina, este é o alicerce para uma vida melhor, para continuar o processo de transformação e aprimoramento da vida.

 

No livro, Hábitos Atômicos, James Clear revela as 4 leis para se criar novos hábitos:

 

Como Criar Novos hábitos:

 

  1. Faça o hábito obvio

 

A grande barreira que enfrentamos ao introduzir novos hábitos é a nossa própria resistência a mudança. Já temos muitas coisas a para fazer e incluir mais uma pode se tornar extremamente difícil.

Então temos que tornar a nova prática bem acessível, inevitável. Temos que fazer aquele novo hábito seguir naturalmente dentro de nosso atual dia a dia. O segredo é torna-lo óbvio no sentido que você não precisa pensar sobre como e quando o iniciar.

Uma sugestão simples nesse sentido é marcar um horário específico para aquela nova atividade, com despertador ou inserido na agenda. Horários e dias certos para a realização daquela nova prática tornam a nova prática óbvia.

Outra sugestão muito interessante é o que é chamado de “empilhar hábitos”. Um exemplo de hábitos empilhados que eu e muitos fazem é 1) acordar, 2) ir ao banheiro, 3) escovar os dentes, 4) tomar banho, e 5) se vestir. Cinco atividades distintas que se agrupam, que estão “empilhadas”, num único grupo de hábitos matinais.

Usando essa tendência, a ideia aqui é você introduzir o novo hábito no meio de uma sequência já existente. Dessa forma fica mais fácil segui-la. Por exemplo, após acordar vou meditar cinco minutos. Assim, o cérebro termina uma coisa e já espera a próxima na sequência. Fica óbvio.

 

  1. Torne o hábito fácil

 

O ser humano é preguiçoso por natureza, isso é fato. Se dificultarmos só um pouquinho qualquer realização, a tendência a desistir é grande.

Então, faça tudo para facilitar o novo hábito. Coloque tudo o mais acessível possível. E tudo que é contrário a ele, dificulte ao máximo. Se quer começar a ler, deixe o livro num lugar o mais acessível possível.

Se quer se alimentar de forma mais saudável, tenha sempre frutas e castanhas à mão.

 

  1. Torne o hábito atraente

 

Precisamos de estímulos para introduzir novos hábitos. Como um animal sendo adestrado, ou uma criança sendo convencida de algo que é bom para ela, precisamos oferecer prêmios, recompensas para encorajar a realização do novo hábito.

O fato que o hábito é bom para você não basta. Sua mente tem muita resistência a mudança. Então para ajudar a enfraquecer a resistência, bole um estímulo adicional.

Não subestime o poder das recompensas, pense no adestramento do cão utilizando biscoitos, nós inconscientemente, agimos da mesma forma.

 

  1. Torne o hábito satisfatório

 

Todo mundo gosta de uma medalha, um prêmio ou reconhecimento. Todos nós temos um gosto por algum tipo documentação da conquista realizada. Isso nos estimula. Então a última dica do sistema hábitos atômicos é documentar sua conquista.

Faça uma lista de novos hábitos e registre cada dia que você conseguiu realizar, ao final de um mês você terá uma lista de grandes progressos.

Pense o seguinte, se você não criar um sistema saudável e salutar para te levar ao sucesso, não são apenas ter metas definidas que o farão. Todos são capazes de ter metas, a diferença entre o sucesso e o fracasso está no sistema utilizado no caminho. Esse sistema é formado pelos hábitos construídos.

 

Quais novos hábitos você esta disposto a iniciar para ter melhores resultados na sua vida?

 

Gostou deste artigo? Curta, compartilha com os amigos.

Quer saber mais como ampliar os resultados do seu negócio? Me chama no whats.

 

Te vejo na próxima semana!!!

 

Tais F. Gaspar de Araújo

Master Coach, Consultora e Treinadora

Empreenda Consultoria

 

 

Iniciar conversa
Entre em contato conosco
Olá,
como posso te ajudar?